Apesar de já ter passado por um período em que era desvalorizado pelas empresas, é inquestionável que o e-mail marketing é capaz de proporcionar – e vai continuar proporcionando por muito tempo – excelentes resultados.

No entanto, assim como ocorre em relação ao uso de qualquer ferramenta, para conseguir êxito com o e-mail marketing, é necessário utilizá-lo de maneira inteligente. Ou seja, criar estratégias e conteúdos que estejam em consonância com as exigências do público. E é exatamente nesse ponto onde muitas empresas falham e acabam achando que a culpada pela falta de resultados é a ferramenta.

Dessa forma, para garantir que você nunca mais se equivoque em relação ao uso desse recurso que continua tendo potencial para gerar muitas oportunidades de negócio e passe a conseguir um grande retorno com ele, mostraremos abaixo o que fazem as empresas que obtêm excelentes resultados com a utilização do e-mail marketing. Leia com atenção e veja como pode ser simples gerar muito valor com essa ferramenta!

O “grande segredo” para obter sucesso com o uso do e-mail marketing

A grande “sacada” para se ter êxito com o e-mail marketing está simplesmente em enviar mensagens para a base de contatos todos os dias. Isso diverge da ideia – bastante disseminada por muito tempo no meio corporativo e ainda com alguns adeptos – de que se comunicar diariamente com os seus contatos pode fazer com que as mensagens sejam vistas como um incômdo.

De fato, isso realmente pode acontecer. Porém, não tem nada a ver com o envio diário de e-mails, mas sim com a relevância deles. Na verdade, mesmo quando o envio é semanal ou a cada três dias, por exemplo, se os conteúdos não forem relevantes para quem está recebendo, a tendência é que as pessoas comecem a se sentir incomodadas. Desse modo, é normal que elas não abram mais as mensagens e, posteriormente, até cancelem o recebimento delas.

No entanto, quando os e-mails enviados diariamente são realmente importantes para o público por conterem conteúdos que estão alinhados com aquilo que desperta o interesse das pessoas, o resultado é ótimo. Isso se explica pelo fato de que, quando recebemos algo relevante todos os dias, é natural que isso fique na nossa lembrança, o que faz com que nos engajemos com aquilo. Assim, sempre que chega uma mensagem daquele remetente na nossa caixa de entrada, mesmo que não possamos abri-la imediatamente, deixamos para lê-la em um momento livre mais tarde ou até mesmo no final de semana.

Ou seja, o ponto crucial do e-mail marketing é enviar conteúdos interessantes, relevantes e que falem a mesma língua do receptor das mensagens. Isso significa que, antes da oferta de um produto ou serviço, deve ser gerado algum valor ao leitor. Essa é a chamada venda leve. Ela está ali (e sempre deve estar), mas de maneira secundária.

É importante destacar também que o envio diário de mensagens pode ser excelente para “preparar o terreno” para um período de vendas mais objetivas. Até porque, quando já obteve algum valor gratuitamente anteriormente, o consumidor se torna muito mais apto a fechar uma compra.

Disso tudo se conclui que o e-mail marketing pode gerar resultados fantásticos porque, caso seja utilizado adequadamente, antes de vender, ele estreita o relacionamento entre a empresa e o seu potencial cliente por meio da geração de valor. O resultado final disso é engajamento, segurança, confiança e objetividade no momento de fechar uma compra.