Existem inúmeros sentimentos que são praticamente intrínsecos ao ser humano. Ou seja, estão presentes em todas as pessoas. Sendo que o principal exemplo nesse sentido é o medo. É quase impossível encontrar alguém que não se sinta inseguro diante de um acontecimento ou uma circunstância que lhe deixe na iminência de ter uma perda ou mais longe de alcançar um sonho.

Diante disso, você sabia que é possível utilizar essa questão para alavancar as vendas dos seus produtos? A explicação para isso é bastante simples: se alguém está com medo de alguma coisa, é natural que busque alternativas para fugir daquilo. Logo, se a sua empresa desenvolver soluções que não ofereçam riscos e tenham exatamente a capacidade de afastar seus clientes daquilo que faz com eles sintam medo, as chances das vendas serem alavancadas são muito maiores.

Mas, afinal, por que isso acontece?

O motivo pelo qual estamos sempre em busca de coisas que nos afastem dos nossos medos é o croc-brain. Ele pode ser definido com a parte do nosso cérebro responsável pela sobrevivência, aquilo que nos mantém vigilantes contra eventuais situações de perigo. É o croc-brain que nos faz, por exemplo, fechar uma página da web com a velocidade do “flash” quando o antivírus dá o alerta de que ali existe algum risco.

Levando essa questão para as estratégias de venda, pode-se dizer que é o croc-brain que define se uma oferta que acabara de ser recebida merece atenção ou não, pois se for identificado algum perigo ali, a rejeição será imediata. Por outro lado, se a sua oferta conseguir passar por essa “fase”, a chance de o seu lead realizar a compra emocional – o ser humano sempre avalia aquilo que lhe é disponibilizado primeiro emocionalmente e, posteriormente, valida a decisão tomada de maneira racional – daquela oferta é muito grande.

Por isso, é possível que as empresas utilizem essa questão para conseguirem vender mais. Para isso, no entanto, é necessário desenvolver ofertas que, em momento algum, possam ser interpretadas como algo que oferece algum tipo de risco (seja por conter informações complexas ou imprecisas ou ser excessivamente detalhada), pois se o seu lead se sentir minimamente “ameaçado” diante daquilo que está sendo oferecido a ele, certamente descartará sua oferta imediatamente.

Assim, o ponto crucial é criar ofertas que sejam claras, simples e seguras, pois esses aspectos fazem com que o lead sinta confiança e não identifique quaisquer riscos que, naturalmente, o fariam se afastar. Além disso, é essencial desenvolver soluções que sejam compreendidas pelas pessoas como algo que as levará para longe de um medo que elas possuem. Ao se fazer isso, a decisão pela compra daquilo que está sendo ofertado se torna mais convicta e rápida.

Devido a esses aspectos, lembre-se sempre de criar ofertas “limpas” em relação a possível identificação de algum risco por parte do lead, e que tenham a capacidade de transmitir a ele a ideia de que aquilo é exatamente o que ele precisa para se afastar de alguma coisa que lhe causa medo. Ao conseguir fazer isso, você certamente tornará seu produto muito mais vendável.